14 de maio de 2011

Em dia de aniversário as prendas foram Sargos

Hoje dia de aniversário do Fisgo eu, o Ivo (Robalitos) e o Renato fomos tentar a nossa sorte ali para os lados do Magoito.
À hora combinava faltava sempre o mesmo (olá Fisgo), mas lá arrancamos uns minutos depois, no meio disto ainda houve tempo para o cafézinho da ordem, com a pesca a dominar as conversas.
Chegando ao pesqueiro ficamos espantados com o intenso nevoeiro que se fazia sentir, o sol nem dava sinal, no entanto o importante é que a água tinha uma cor excelente e não havia vento, com a maré ainda vazia começamos a montar as canas e minutos e pelo que pude observar tinha tudo cara de fezada que iria ser um belo dia de pesca.
Não foi preciso esperar muito, o amigo Ivo abriu as hostilidades, e logo o ritmo de ferrangens bem sucedidas disparou, saíndo safias e sargos com alguma frequência, embora muitos tivessem sido devolvidos a água por não terem medida. Foi assim durante umas 3 horas, os meninos iam saindo aqui e ali e via-se que a malta estava contente, no meio disto ainda houve tempo para levar umas molhas, só o Renato não levou com água do mar.

No entanto quando a maré bateu em cima, puff...o peixe deixou de dar sinal, estivemos quase perto de 2 horas sem toques nem ferrangens, o certo é que o pessoal não desistiu até que o Ivo saca de um sargo e depois de tanto tempo sem dar nada o animo voltou, houve logo quem dissesse, epá pode ser que a coisa melhore daqui para a frente. No entanto o panorama não melhorou, até que o sol abriu e como por artes mágicas o Fisgo ferra um sargo, eu ferro outro , o fisgo risposta, esta cadência embora não fosse constante deu para animar a hora e meia final com o Ivo e o Renato também a molhar a sopa.
Quando fomos embora ainda dava peixe, mas havia outros compromissos combinados. Assim zarpamos do pesqueiro e embora não fosse uma fartura de peixe por aí além todos saíram satisfeitos, não só pelo convívio como também pelas capturas que cada um de nós fez, quando assim é nada mais se pode desejar num dia de pesca.

Isco usados por todos nós: Casulo, Camarão, Carangueijo, ameijoa e Ganso

(relato feito pelo Almachev..(alex)

5 comentários:

Pedro batalha disse...

Boas Paulo
Parabéns x2
Pelo aniversário e pelo dia de pesca em convívio, que se repitam por muitos mais anos.

Abraço

Paulo Lourenço, Carlos Mesquita e Ricardo Mesquita disse...

obrigado Batalha...que continues a sacar uns sargalhões, temos que combinar uma pesca! abraço

J.Oliveira disse...

Isso é que foi um belo dia de anos , belas sargalhada

PêJotaFixe disse...

Viva, Fisguito!
Parabéns e espero que continues a apanhar muitos Sargos ; ))

Abraço e saudações piscatórias

Paulo Lourenço, Carlos Mesquita e Ricardo Mesquita disse...

PêJotaFixe disse...

Viva, Fisguito!
Parabéns e espero que continues a apanhar muitos Sargos ; ))

obrig...e tu deixa passar alguns cá para o meu lado! um abraço