31 de agosto de 2009

um boia para variar




Sabendo que o mar estava com muita força, e não dava para spinnar, resolvemos ir fazer uma boia.
Andámos pelas azenhas do mar, e estava mesmo impossivel, muito vento e mar com muita força.
Bem, temos que ir procurar um sitio, pelo menos mais calmo e que dê para molhar a boia e matar o vicio.
Fomos até á ROCA, e andava areia por todo o lado, mas a vontade era muita e lá fomos.
A pescaria não foi nada de especial, mas asempre deu para tirar uns sarguitos e voltarmos, além de mais bronzeados, já com outra satisfação.
Esperemos por melhores dias.
Um abraço ao amigo Flipe Gomes e ao Rijo, dois bons companheiros e amigos.

8 comentários:

Milton Morais disse...

Olá Fisgo, belos peixitos e belo pesqueiro...o pior é subir aquilo carregado ;) Aproveito para convidar para passar pelo meu blogue http://pescacosteira.blogspot.com/ está agora a começar.

Abraço

FISGOPEIXE disse...

amigo MILTON obrigado pelo seu comentário, e pela sua visita..ja adicionei o seu blog com muito prazer...um abraço

sansão disse...

Boas amigo Fisgo... Vim aqui ter vindo do pescatuga... muitos parabens pelas partilhas do blog... Eu também me estou a iniciar do spinning tendo comprado uma awa-shima n'gage para me iniciar... o que só poderá ser no fim se semana, que está quase, a fazer a estreia... Abraço e boas capturas

Anónimo disse...

O RIJO tá com um ar muito chateado. É que aqui não ganhou um jarrão e 2 pneus!!!!
LOL

FISGOPEIXE disse...

ele estava mesmo era todo rôto..ahhahhahahh. não esta habituado.

António Matos disse...

ui e subir isso tudo :) as primeiras vezes é complicado.
parabéns belos peixes.

bruno spin disse...

Belos sarguitos Fisgo,Parabens. 1 abraco

Don disse...

Em Resposta ao senhor ANÓNIMO:

Experimente trazer ás costas 20 kilos de peixe e verá a sua cara após a subida....

Por acaso não foi o caso pois a pesca deu pouco mas deu para aprender mais um spot e rir mais um pouko com as aventuras e com os robalos africanos do filipe. O Fisgo é que é akela makina k nunca falha nem deixa ninguem para trás.

Bem Haja